O paciente como cliente

O conceito de paciente vem mudando com o passar dos anos, atualmente entende-se não somente como aquele que está sob cuidados médicos, entretanto, associa-se também a todos os outros que são atendidos em hospitais, clínicas e consultórios.

Saber diferenciar essas duas nomeações é muito importante.

Enquanto cliente é sinônimo de freguês, comprador, negociador, o paciente é aquele que anseia, aguarda por assistência médica e cuidados com a saúde.  Todo o ambiente que permeia o espaço de atendimento médico, como: a recepção, preenchimentos de cadastros, a espera, enfim, tudo isso faz parte de um serviço ao cliente, a partir do momento que o mesmo adentra nasala para uma consulta ele passa a ser um paciente.

Entendendo a constante em torno dessas definições e também o papel crucial que esses clientes exercem no mercado de trabalho é necessário sempre disponibilizar suportes que garantam segurança e acessibilidade para com seus parceiros.

A fidelização do cliente é uma maior possibilidade do sucesso das instituições de saúde. A qualidade dos produtos e serviços, o envolvimento, facilidade e a exclusividade são fundamentais para satisfazer as necessidades dos seus usuários. Com tantas opções, concorrências e competitividades, priorizar tal convivência de forma eficaz e produtiva, sem dúvidas, trará maiores resultados.

E dessa forma, há mais de dez anos no mercado, a Apoio Cotações vem consolidando esse vínculo tão relevante com os seus, buscando estreitar e dinamizar sempre os relacionamentos junto as suas comunidades.

 

 


Deixe Seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *